Quarta, 28 de Julho de 2021 17:51
99963-4122
LOCAL NOVO DECRETO

16/03: Novo decreto municipal determina fechamento total de comércio não essencial entre outras proibições

Entre as medidas, fica proibido por exemplo caminhadas nas vias públicas

16/03/2021 16h59 Atualizada há 4 meses
971
Por: Redação
16/03: Novo decreto municipal determina fechamento total de comércio não essencial entre outras proibições

A prefeitura de Santo Antônio do Amparo editou um novo decreto  hoje, (16/03). O decreto 1.713/2021, assinado pelo prefeito Carlos Henrique Avelar, regulamenta a classificação Onda Roxa, determinada pelo governo estadual.

O decreto de 1.712/21 que foi publicado ontem, regulamentava a adesão voluntária do município a Onda Roxa e determinava medidas mais flexíveis, embora rigorosas. o decreto de hoje se dá em razão da decisão do governo do estado de abranger a Onda Roxa para todas as cidades de Minas Gerais, tornando obrigatórias medidas ainda mais restritivas.

Entre as justificativas da Onda Roxa está a piora nos índices de internação e óbitos na região e principalmente a falta de vagas em leitos clínicos e de UTI.

O novo decreto municipal também proíbe o funcionamento  do comércio não essencial.

Por exemplo, lojas de roupas, salões de beleza, bares e distribuidoras de bebidas, entre outros, não poderão abrir para atendimento físico.

Supermercados, padarias, açougues e sacolões, poderão funcionar de segunda a domingo de 5 da manhã até às 20 horas .

Restaurantes, trailers e similares somente poderão fazer entregas no balcão e no sistema delivery entre 5 horas da manhã e às 20 horas.

O novo decreto proíbe ainda a prática de exercícios físicos em vias públicas, inclusive caminhadas.

O secretário municipal de saúde, Petrônio Campos, divulgou um vídeo hoje nas redes sociais, onde explicou que hoje haveria um novo decreto, para adequar o município às regras da onda roxa. Na ocasião ele pediu apoio e compreensão da população.

Ele1 - Criar site de notícias