Águas
Tapwear
TERRAKASA IMOBILIÁRIA
CORONAVÍRUS

Lavras e Varginha já possuem casos suspeitos de coronavírus

Em Lavras uma mulher que viajou para a Ásia apresentou sintomas parecidos com os do coronavírus. Em Varginha, três pessoas que estiveram na Itália estão senso monitoradas.

27/02/2020 06h08
Por: Redação
Fonte: reprodução: lavrasnews.com.br
385

Uma mulher que esteve na Tailândia e em Hong Kong, a trabalho, chegou no último dia 25/02 ao Brasil e viajou sozinha de carro para Lavras, onde mora. Na manhã de ontem, às 7h, ela procurou o Hospital Vaz Monteiro (HVM), com sintomas característicos do coronavírus (Covid-19), como coriza, sudorese, respiratório, semelhante a resfriado, febre, tosse e outros.

A paciente mora sozinha e está isolada. O Hospital Vaz Monteiro tomou todas as providências de acordo com o protocolo da Organização Mundial de Saúde (OMS). Amostras foram coletadas e enviadas em nitrogênio para a Fundação Ezequiel Dias (Funed), para confirmar o diagnóstico ou descartar. Ela está isolada em casa e sendo acompanhada e monitorada pelas autoridades de saúde, e passa bem.

As autoridades de saúde lavrenses, já providenciaram aquisição de materiais de EPI (Equipamento de Proteção Individual), para garantir um possível aparecimento de casos confirmados. Também estão garantidos os medicamentos necessários, que estão estocados na farmácia municipal, base dos medicamentos retrovirais.

De acordo com os números da doença, a maioria dos casos (80,9%) confirmados do novo coronavírus é leve, segundo levantamentos feitos pela Organização Mundial da Saúde. A pesquisa, que teve como base dados oficiais da China, mostrou que a versão mais grave da doença causada pelo Covid-19, que inclui insuficiência respiratória, choque séptico e falência múltipla dos órgãos e leva à morte, atingiu apenas 5% dos infectados. 

As autoridades salientam que a população não deve se alarmar, mas apenas se precaver com hábitos de higiene, como lavar as mãos com frequência e desinfetá-las com álcool. 

Por ora, o Ministério da Saúde não orienta que a população use máscaras sem que haja confirmações de casos de coronavírus no Brasil. A pasta informou que elas são recomendadas, neste momento, a profissionais de saúde, trabalhadores de aeroportos e portos que recebem pessoas de fora do país, e pacientes suspeitos no contato com outras pessoas.

VARGINHA

 

rês casos suspeitos do novo coronavírus foram encaminhados para o Hospital das Clínicas Samuel Libânio, em Pouso Alegre (MG). A informação foi confirmada pela Secretaria Municipal de Saúde e pela unidade. Os pacientes foram levados de Varginha (MG) para o hospital, escolhido como referência para o tratamento do novo vírus na região. Casos só são oficialmente reconhecidos como suspeitos após confirmação do Ministério da Saúde, o que ainda não ocorreu

Os três pacientes com sintomas da doença são da mesma família e retornaram nesta terça-feira (25) de uma viagem à região da Lombardia, na Itália, a mais atingida pelo vírus no país europeu. Em um grupo de 10 pessoas, apenas as três, um homem de 48 anos, uma mulher de 45 e um jovem de 21 anos, tiveram os sintomas, todas de forma leve.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
cAFÉ
Slim Centro
Supermercado JA
Droga rede
Municípios
Agro Sucesso
Últimas notícias
espaço vazio
espaço vazio
espaço vazio
Mais lidas
Anúncio
Anúncio