Sexta, 15 de Janeiro de 2021 11:25
99963-4122
Polícia CRIME

Polícia Federal prende servidores e advogados que vendiam vagas em prisões de MG

No comando da Organização Criminosa estariam servidores públicos e advogados, além de detentos e ex-detentos.

09/10/2020 08h11
498
Por: Redação
Polícia Federal prende servidores e advogados que vendiam vagas em prisões de MG

Operação da Polícia Federal revela organização criminosa que vendia vagas em prisões de Minas Gerais.

A quadrilha atuava no remanejamento irregular de presos de alta periculosidade para outros pavilhões onde teriam mais benefícios ou até para outras unidades prisionais.

Também facilitava a entrada de drogas, celulares, entre outras práticas ilícitas.

No comando da Organização Criminosa estariam servidores públicos e advogados, além de detentos e ex-detentos.

As investigações começaram em março deste ano e na ação realizada na última quinta-feira, os policiais federais cumpriram 29 mandados de prisão e 45 de busca e apreensão.

A lista inclui seis advogados, cinco servidores, cinco parentes de presos e 13 pessoas que já estavam detidas.

A Operação foi realizada em 15 cidades mineiras e os envolvidos podem ser condenados a até 20 anos de prisão.

Ele1 - Criar site de notícias